Um clássico da Literatura portuguesa

em
Bom dia. Ontem, e a título excepcional, não houve lição de malandrice, até porque foi coisa que não houve para estes lados, pois nem tempo tive de postar... Pode ser que hoje retomemos a lição, depende de como as coisas corram por aqui.
E como hoje é sexta – feira, dia de sobrinhos, deixo-vos com um pequeno poema de um dos maiores escritores portugueses de sempre, refiro-me, naturalmente, ao Manoel Maria Barbosa du Bocage. Então, é assim:


A ÁGUA


Meus senhores eu sou a água
Que lava a cara, que lava os olhos
Que lava a rata e os entrefolhos
Que lava a nabiça e os agriões
Que lava a piça e os colhões
Que lava as damas e o que está vago
Pois lava as mamas e por onde cago.
Meus senhores aqui está a água
Que rega a salsa e o rabanete
Que lava a língua a quem faz minete
Que lava o chibo mesmo da rasca
Tira o cheiro a bacalhau da lasca
Que bebe o homem que bebe o cão
Que lava a cona e o berbigão
Meus senhores aqui está a água
Que lava os olhos e os grelinhos
Que lava a cona e os paninhos
Que lava o sangue das grandes lutas
Que lava sérias e lava putas
Apaga o lume e o borralho
E que lava as guelras ao caralho
Meus senhores aqui está a água
Que rega as rosas e os manjericos
Que lava o bidé, lava penicos
Tira mau cheiro das algibeiras
Dá de beber às fressureiras
Lava a tromba a qualquer fantoche e
Lava a boca depois de um broche


E mai nada! É a poesia no seu melhor!

6 comentários:

Blossom disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 10:07:00 da manhã

Não consigo meter espaços entre a porcaria das linhas...raios! Anybody?

ME disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 10:26:00 da manhã

hehehehe, fixe o poema:)

Alguém de conhecido?

Tb me aconteceu o memo, tive de pedir ajuda ao GM, ele mandou me começar a postar nao na parte onde diz Compose, mas na parte que diz Edit HTML.
Eu sou uma BURRA nesta coisa, nao entendo memo memo nada disto!!

Obrigadão pla ajuda de ontem, fantastico.

Bjitos

Aragana disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 2:39:00 da tarde

Ai o dia dos sobrinhos.. nham nham...

BLOSSOm para espaço faz < b r > entre cada uma das linhas mas sem espaço que eu meti com espaços porque senao fazia-me um paragafo no comment.

Visi disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 2:41:00 da tarde

Bocage, certo?

Blossom disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 3:23:00 da tarde

Obrigadas, ME e Aragana.

Meninas, andais distraídas, só prestam atenção aos sobrinhos e não viram que o poema é de Bocage, está lá o nome :)

kiko disse...
sexta-feira, maio 19, 2006 5:56:00 da tarde

coloca um < br > talvez dê.... Quanto à água, bendito sejas, elemento democrático! :D:D bj e bom fds

eXTReMe Tracker